ANTT admite aplicação de multas a caminhões de donativos para o Rio Grande do Sul

  • 10/05/2024
ANTT admite aplicação de multas a caminhões de donativos para o Rio Grande do Sul

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) admitiu que foram aplicadas multas a caminhões que transportavam donativos às vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul. Em um vídeo postado no perfil oficial da agência no YouTube, o diretor-geral da ANTT, Rafael Vitale, reconhece que houve “casos pontuais” de autuações por excesso de peso, mas afirmou que essas multas serão anuladas.

“É importante dizer que todos esses casos, foram seis, seguiram suas viagens sem retenção na balança ao constatarmos que eram doações”, reforçou Vitale. “A premissa do nosso trabalho é facilitar o transporte dessas doações e trabalhar para o restabelecimento dos fluxos logísticos na região”, completou o diretor-geral da ANTT.

Mais cedo, a agência publicou uma portaria na qual dispensa os procedimentos regulares de fiscalização para os veículos de transporte de cargas carregados com donativos destinados ao Rio Grande do Sul. Entre as medidas adotadas pela ANTT para garantir a uniformidade dos procedimentos, a liberação das doações será garantida pela “simples declaração verbal do motorista”.

empresa dona do veículo informaram que o vídeo foi publicado por um terceiro. A empresa explicou que o caminhão foi parado na pesagem, que foi verificada carga com excesso em cerca de 500 quilos, mas que caminhão e carga seguiram viagem e chegaram ao destino ainda durante a madrugada de segunda-feira, sem qualquer tipo de notificação ou aplicação de multa.

Uma reportagem veiculada pelo programa Tá na Hora, do SBT, também na segunda-feira, entrevistou motoristas em pontos de fiscalização e pesagem. Um deles apresentou à reportagem uma multa no valor de R$ 200 que seria por excesso de peso e por não possuir nota fiscal da carga. Outro disse que foi notificado por não ter nota fiscal das doações.

O governo do Rio Grande do Sul também afirmou que não houve aplicação de multas a veículos e que não há - nem houve - carregamentos retidos. “Diante de informações veiculadas na imprensa sobre multas aplicadas a caminhões com doações encaminhadas ao Rio Grande do Sul em um posto de fiscalização da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), em Santa Catarina, a Secretaria Estadual da Fazenda reitera que não há bloqueio [por parte da Receita Estadual] para fins de verificação de nota fiscal de veículos com mercadorias destinadas aos atingidos por enchentes quando se trata de doação”, respondeu o governo gaúcho.


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Top 5

top1
1. Raridade

Anderson Freire

top2
2. Creio em Ti

Gabriela Rocha e Fernandinho

top3
3. Me lembro

Kemuel e Gabriela rocha

top4
4. Maranata

Fernanda Madaloni

top5
5. "DIZ"

Andres & Eula feat. Elen Oliveira

Anunciantes